Blog

Você esta em:capa, Blog
07/03/2016 09h07

Projeto de restauro da Estação Cultura é apresentado à comunidade

                O Departamento de Cultura, da Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer (Secel) da Prefeitura de Passos, apresentou para a comunidade nesta quinta-feira (3) o projeto de restauro da Estação Cultura. A solenidade aconteceu no anfiteatro da antiga estação ferroviária onde as obras emergênciais vão começar na próxima segunda-feira (70. A princípio, serão feitas limpeza no telhado, troca das telhas, pintura nas paredes, as portas e janelas serão restauradas e reparos no piso. Logo após essa primeira etapa, a obra passará para a marquise e para os outros saguões.

                O evento contou com a presença do prefeito de Passos, Ataíde Vilela, do seu vice-prefeito, Ademir José da Silva, da secretária de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, Pilar Aparecida Lemos Faria, da diretora do Departamento de Cultura, Taciana Lopes Baptista, e de um dos proprietários da construtora Arco, vencedora da licitação para execução do trabalho, Otalírio Silveira, dentre outras autoridades e representantes da sociedade civil e cultural da cidade.

                O restauro emergencial será feito de forma a garantir a conservação dos padrões históricos da Estação Cultura, que é um bem tombado pelo Conselho Municipal do Patrimônio Cultural de Passos. Os recursos são do Fundo Municipal de Proteção do Patrimônio Artístico e Cultural (Fumpac) de Passos, criado na gestão de Ataíde Vilela para receber os recursos do ICMS-Cultural e outras verbas. Dos R$ 296.349,13 para a obra, R$ 180 mil são do Fumpac e o restante da Prefeitura.

                “Como dizia o ex-presidente da República, governador de Minas e deputado federal Aureliano Chaves, que ‘um povo que não conta, não preserva sua história, suas raízes, não pode ser considerado um povo’. Eu acho que essa restauração é um retrato do que cada um de nós sentimos pela nossa cidade. Esse amor de preservar nossa história, nossas raízes, as nossa tradições e principalmente nossa cultura”, discursou o prefeito Ataíde Vilela.

                “Há 22 anos que não se tem uma intervenção aqui na estação cultura e isso deixou o prédio deteriorado com o passar dos anos, o fez perder um pouco as características. Ele tem vários problemas no telhado, umidade, infiltração, dentre outros problemas. Isso tudo vai ser restaurado, ser trabalhado com todo cuidado que se tem que ter com um bem público e com um bem patrimonial tombado”, disse Taciana Lopes baptista.

                A diretora comenta ainda sobre o início das obras e como a população poderá utilizar o espaço. “A ordem de serviço foi dada na semana passada no gabinete do prefeito Ataíde Vilela para a construtora e na próxima segunda-feira eles já estarão trabalhando aqui na Estação Cultura. Isso aqui é um espaço cultural e de lazer que será oferecido à comunidade, sendo assim, estamos conversando com o Conselho de Patrimônio Cultural e juntamente com a comunidade vamos elencar quais são as prioridades, as políticas culturais que serão exercidas aqui nesse local após o término da obra”, explicou.

                Para o morador das redondezas da Estação Cultura, Anderson Pereira, que estava acompanhado de seu filho de seis anos, as obras vêm atender um desejo antigo da comunidade. “Finalmente! Aqui estava em estado de calamidade pública. Aqui é um patrimônio histórico da nossa cidade e está do jeito que está, sem iluminação, com o perigo, do jeito que estão as drogas, não dá. Eu sempre pego meu filho aqui na escola e ele sempre fala, pai aqui não vão reformar? Quem sabe eles não trazem o trem de novo pra cá. Meu filho acha muito interessante”, disse Anderson, que acrescenta: “é um ganho para nossa cidade essa restauração, e a gente ter ela (Estação Cultura) reformada é um bem para a história de Passos e, com certeza, quando estiver pronto, eu trarei meu filho aqui novamente para ele brincar.”